sábado, 6 de março de 2010


.
Queria sair por ai, deixar a rotina do mim.
Esquecer a geografia que compõe o tão pouco da nação eu.
Queria outra vez ir para o exterior, deixar ainda que por pouco tempo,
o corpo que por tantos me fez acreditar ser.
Esquecer lágrimas, dores, prazeres e sorrisos, amores e ódios.
Livrar-me do claustro crânio, que me prende junto à massa que produz tudo nesse espaço físico
Abandonar por instante, o cérebro que faz pensamentos idiotas como este.
Viajar, fita virgem, folha em branco, água pura,
E se possível voltar pra dentro de mim, com lembranças do “SOU”.
Usar melhor o veículo que me conduz,
Ele tem que saber que sou mais.
Mais até que estes pensamentos, produtos deste corpo.
Sidney Caetano Filho

11 comentários:

Valquíria Falcão disse...

Oi meu querido amigo quanto tempo hem...estava com saudades de seus poemas....
Há...não é só vc que anda se sentindo assim...se eu pudesse apagar tudo que me aconteceu dee segunda ate ontem, apagaria, pena que não existe remedio de esquecimento, já imaginou vc poder apagar tudo que quisece?
bem mas talvez se fizesemos isso não seriamos hoje a pessoas que somos...por isso não mude quem hoje vc o é,e sempre que pensar assim vá até o espelho olho bem dentro dos olhos do rosto que vê e se procure nele...
Beijos bom domingo....
PS: tem presente no Simplismente Eu para vc....

Lu Nogfer disse...

...Ele sabe que voce é mais,muito mais alem da massa e do cranio clausto...
Nao esquecendo que é este mesmo cranio que nos da dicernimento entre o bem e o mal...

...se queres, se isso lhe da melhor equilíbrio e se te faz bem nao tem porque nao se redescobrir e se deixar ver...

Por vezes é necessario pra nos,partilharmos o que somos.Transformar o enigmático em verdades e transparencia total...

...Nao esqueça de que vc sera do mesmo jeito amado sendo seja o que for...

Cuide-se!

Beijo carinhoso!

Lu Nogfer disse...

So agora entendo e concordo com Shakespeare.
"Há muito mais entre o céu e a Terra do que supõe a nossa vã filosofia."
...e a gente tenta sempre entender,embora nem sempre consegue...

ivone fonseca disse...

Sabe qual é a nossa pior prisão ? aquela da qual nos prorios nos colocamos.. as vezes ser livres é dificil demais, paga-se um preço muito alto.. preço este q pode nos levar a vida..
Sinta-se livre por vc e então serás..

Luiza disse...

Acho que o mais correto seria me apresentar, mas não vou fazer isso, o tempo fará por mim.
Desculpe entrar sem bater, vi seu blog no blog da Lu Nogfer, ontem li seu comentário que por sinal estavamos fazendo praticamente ao mesmo tempo (entreguei a Lu), adorei o que escreveu e hoje não resisti, tive que vir aqui, lá comentei dos poetas, amo poesias e seu blog me fez ganhar o dia hoje, pois ainda é cedo...nossa!! Que lugar maravilhoso esse, parabéns de verdade...posso ficar?
Qto a se reencontrar, nunca é tarde para isso, quem dera pudessemos voltar no tempo e apagar todas as nossas dores para quando chegar o presente não precisassemos passar por elas. Mas cada uma é uma lição, um passo a frente, pois é ai que mostramos a nós mesmos o quanto somos fortes e o quanto cada vez mais ficaremos preparados para futuros obstáculos, sei lá, passo por coisas bem difíceis, como cada ser humano, mas cada tombo me faz teimar um pouquinho mais e como disse a Valquiria, tento olhar no espelho e não ver meu reflexo, mas o que tem dentro dele...minha vida!!
Não tenho idéia do que é a sua, pois passei rápidamente pelas suas postagens e pelo que pude notar, é bem difícil também, mas não desista nunca, sempre vc terá a visão do caminho certo a seguir.
Não sei se distorci um pouco, mas se eu puder ficar, aos poucos vou me adequando nas minhas palavras. Se disse algo que não foi legal, me perdoe, não foi essa a intenção.
Também não se assuste com o tamanho do meu comentário, não sou blogueira, mas adoro comentar e acho que exagero um pouquinho, amo blogs!!
Um beijo no coração e se sinta muito a vontade para não aceitar ou excluir meu comentário.

Valquíria Falcão disse...

Por que anda tão sumido meu querido???
Olha se isso é para nos deixar morrendo de saudades de você e de seus textos pode parar tá...já não aguentamos mais de saudades...rsrsrsrsr....
VOLTAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA

Beijos bom fim de semana....
Te dolloooooooooooo

Nike disse...

Queria também sair de mim por um longo tempo, e ao voltar poder mudar minha vida e ser feliz...

Saudades de vc meu anjo
Passe no meu blog q tem selinhos pra vc
te amo muito


beijões

Lana Miranda disse...

Oi Sidney! que saudades...

estamos sumidos, vamos ver se

agente aparece mais, né?

(adoreii o texto)
bjO

Anônimo disse...

Love Of My Life(Queen)

Love of my life
you've hurt me
You've broken my heart
and now you leave me
Love of my life
can't you see
Bring it back
bring it back
Don't take it away from me
Because you don't know
What it means to me

Love of my life
don't leave me
You've taken my love
you now desert me
Love of my life
can't you see
Bring it back
bring it back
Don't take it away from me
Because you don't know
What it means to me

You will remember
When this is blown over
when everything's all
by the way
When I grow older
I will be there
at your side
to remind you
How I still love you
I still love you

ivone fonseca disse...

E amigo por onde andas??
nem no blog, nem no msn.. ahhhhh assim não vale.
Grd abraço.

Sempre estaremos a sua espera.

Clarinhaaa disse...

Meu Deusssssssssssssssssss


volta que precisamos te respirar!!!

né???