sexta-feira, 27 de março de 2009

"MEU NICHO"

Aqui meu nicho,não vou embora.
Aqui é o nicho do bicho!
Não vou embora,vou passear por aqui.
Sou bicho do lixo!
Meu nicho não fiz,sou seu fruto.
Aqui sou bicho,naturalmente não natural.
Vou brindar por aqui,com resto dos sucos
que divido com meus amigos insetos.
Vou ficar por aqui,não quero sair do país!
Meu lixo é aqui,sou parte dele.
Aqui no meu nicho sou bicho feliz,
fartura por aqui!
Os rios me tem,nos mares me encontro
aqui sou lixo abundante,
estou na cabeça de governante!
E a formiga distraída não percebe
que passeia por ali com toda sua sutileza o elefante!
E daí? Que tem a ver estes dois com com isto?
Não fazem parte do meu nicho!
O meu lixo é aqui !
Não vou sair do país!
Sidney Caetano Filho.

3 comentários:

Lu Nogfer disse...

oLá amiguinho!!Vira e mexe ,to aqui para matar a saudade!!!
A propósito...se resolver sair do pais ,volte, pois esse é o nosso lar e que por sinal eu amo!!!
Abraço carinhoso

ivone disse...

Por mas lixo q pareça ser nossos nichos, é para lá q sempre queremos voltar, não ha outro lugar no mundo q seja tão completo e tão intenso que nosso abrigo pessoal, nosso retiro intinerante... Podem desqualificar ou até nos expulsar mas nunca retirar de nossas veias o q esta impresso em nossas almas.
Fantastico.

Clarinhaaa disse...

Oi..
Gosto tanto daqui..
das suas palavra..
de vc!
do seu nincho, seu bicho seu lixo!!

vc é meu companheiro!!!
rs

;) Sorria!

bjs