domingo, 1 de fevereiro de 2009

Tão pouco

Gritos pra eu ouvir.
Sem pretensões de ser ouvido,grito ou falo,tão somente pra que a omissão não me deprima.
Se por ventura me ouvir,se o som destas palavras não vos agradar, critique, peça que me cale ou em chingamentos grite,grite,gritos pra eu poder ouvir.
Sidney Caetano Filho.

2 comentários:

Lucimar Simon disse...

AHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHH

Sei que um manifestante nao pode seguir só sua luta, se nao quando por exemplo nossa maravilhosa policia repreendedora de nossas vozes chegarem, vc sera alvejado, e eles brigarao entre eles para saber quem deu o melhor disparo.

Logo, sigo com vc, nao deixando para eles uma melhor escolha, mas ao menos duas opçoes de alvos. Rsrsrsrrsrssrsrsrsrsr

O Estado é Unido, o povo O-b-a-m-a nao!

Clarinhaaa disse...

é..
as vezes só o grito mesmo para que possamos ouvir certas coisas...


aiai...

bjs